Velas de Shabat e Festas

O acendimento das velas representa o começo do Shabat e Iom Tov. É uma tradição milenar que vem mantendo o Povo Judeu tanto em época de paz como de perseguições.

As velas de Shabat se converteram no símbolo do "Recebimento do Shabat" (Cabalat Shabat) no marco da família judaica. Nossos Sábios z"| ensinaram que o comprimento desta preciosa mitzvá tem o poder de fazer com que impere em nossas casas o amor, a harmonia e a paz, graças a luz que irradia das velas.

Acende-se as velas no lugar da casa onde se comerá a seudá (comida) da noite, pois se considera que tragam prazer à pessoa que se alimenta.

A mitzvá do acendimento cumpre-se com apenas uma vela. No entanto, o costume generalizado é acender duas. Isto se deve ao fato de que nos Dez mandamentos está escrito: "Recorda o dia do Shabat para santificá-lo" (Shelmot 20:8) e a segunda vez, quando Moshé repete: "Cuida do dia do Shabat para santificá-lo" (Devarim 5:12). É por isso que costuma-se acender no mínimo duas velas, uma por "Recorda" e outra por "Cuida".

Nos dia de festa (Iom Tov) costuma-se recitar também a benção "shehecheianu" para agradecer a D'us por ter-nos feito chegar até esse momento.

Existem diferentes costumes no que se refere à ordem do acendimento das velas. Essa diferença tem sua raiz no fato de que no Shabat é proibido acender fogo. Nas comunidades sefaraditas, a mulher acende as velas depois de recitar a benção. As mulheres asquenazitas costumam acender primeiro as velas e depois recitar a benção. Mas para não tirar proveito da luz das velas até depois de ter recitado a benção, entre o acendimento e o recitado, costumam cobrir as velas ou os olhos com as mãos. Ao não ter proveito da luz, é como se tivessem recitado a benção antes de ter acendido as velas.

1. Para Shabat / Iom Tov / Iom Kipur

Baruch atá Ad-nai, Elohênu mélech haolam, asher kideshánu bemitsvotáv, vetsivánu lehadlic nêr shel Shabat / shel Iom Tov / shel Iom Hakipurim.

2. Para Shabat e Iom Tov / Shabat e Iom Kipur

Baruch atá Ad-nai, Elohênu mélech haolam, asher kideshánu bemitsvotáv, vetsivánu lehadlic nêr shel Shabat / veshel Iom Tov / veshel Iom Hakipurim.

3. Baruch atá d-nai, Elohênu mélech haolam, shehecheiánu vekiiemánu vehiguiánu lazeman hazé.

1 e 2: Bendito sejas Tu, Eterno, nosso D'us, Rei do Universo, que nos santificaste com Teus Mandamentos e nos ordenaste acender a vela de Shabat / Iom Tov / Iom Kipur.

3: Bendito sejas Tu, Eterno, nosso D'us, Rei do Universo, que nos conservaste em vida, nos amparaste e nos fizeste chegar a esta época festiva.

voltar ao topo

newsletter

Cadastre-se para receber informações VK: